É preciso autoestima para ficar em paz com uma opinião contrária

Só precisamos relaxar e entender que a verdade do outro é apenas o ponto de vista dele, não a verdade do mundo, assim, como a nossa também. Em realidade, é bem difícil achar nesse populoso planeta duas pessoas com opiniões exatamente iguais sobre determinado assunto. Pode parecer teimosia e até arrogância, mas, muitas vezes, as …

Continue lendo É preciso autoestima para ficar em paz com uma opinião contrária

Não espere que o tempo lhe dê problemas reais para que você perceba que sofreu tanto por problemas imaginários

Pare de carregar os pequenos probleminhas do dia a dia numa mala, como se eles fossem importantes. Não são. Pare de criar caso com quem não pensa igual a você, como se você pudesse controlar tudo. Você não pode. Pare de deduzir, de tirar conclusões precipitadas, de tentar decifrar o que vai no coração do …

Continue lendo Não espere que o tempo lhe dê problemas reais para que você perceba que sofreu tanto por problemas imaginários

Documentos de imigrantes serão acessados pela internet em São João

Amigos do Comendador Marcio B Fasano

Documentos dos imigrantes que foram para São João da Boa Vista (SP) vão poder ser acessados pela internet a partir desta semana. Além de preservar os registros históricos, a ideia é facilitar a busca dos descendentes, principalmente italianos, que querem tirar a cidadania.

Os dados estarão disponíveis no site da prefeitura.

Recuperação de documentos

Os registros de estrangeiros são documentos dos imigrantes que vieram para o Brasil no fim do século 19 e início do século 20. São informações como nome, nacionalidade, estado civil e data de chegada no país. Ao todo, 1.096 documentos do arquivo municipal foram recuperados há 17 anos com a ajuda do historiador João Batista Scannapieco. Eles estavam no porão da delegacia, que fazia esses registros nas décadas de 1930 e 1940.

O material faz parte do arquivo municipal e foi recuperado há 17 anos com a ajuda do historiador João Batista Scannapieco (Foto: Eder Ribeiro/ EPTV)O material foi recuperado há 17 anos com a ajuda
de historiador 

“O governo Getúlio Vargas queria saber onde estavam os estrangeiros no Brasil…

Ver o post original 449 mais palavras

Brasileiro cria projeto de moradia alternativo e divide casa com imigrantes africanos em Roma

Amigos do Comendador Marcio B Fasano

O jornalista brasileiro André Naddeo, 37 anos, deu uma guinada na sua vida em 2016. Na época, ele estava desempregado e resolveu deixar o Brasil para exercer sua profissão de forma independente e colaborativa. Com este objetivo, foi morar num acampamento com imigrantes no porto de Pireus, em Atenas. A capital grega era uma das principais portas de entrada na Europa para povos que fugiam da guerra e da violência de seus países.

Na Grécia ele viveu como um refugiado e documentou suas histórias. André também criou um projeto, chamado Drawfugees, para que as crianças pudessem expressar seus sentimentos com desenhos, superando as barreiras linguísticas.
Em seguida Naddeo voltou ao Brasil e foi para Boa Vista, em Roraima, onde participou do programa de inclusão social para imigrantes venezuelanos no mercado de trabalho brasileiro.

Em janeiro de 2018, ele decidiu vir a Itália realizar o projeto habitacional para ajudar refugiados. Agora…

Ver o post original 819 mais palavras